Abandone sem dó

Sabia que para prosperar, você precisa abandonar? Vem que eu te explico três coisas que você deve abandonar agora sem ter dó!

Tempo de leitura estimado: 4min20s

E aí, General? Você sabia que as palavras sabem o seu significado? Quer saber três palavras que te fazem paralisar e devem ser comuns na sua rotina? Para essas coisas eu te digo: abandone sem dó!

Para alcançar a prosperidade você precisa aprender a abandoná-las. Vou te mostrar como substituí-las por ações que te levarão a avançar rumo a realização dos seus desejos.

Anote aí as três palavras: metas, desculpas e críticas.

 

As Metas

O primeiro abandono que você deve fazer está relacionado com a palavra meta. As pessoas em sua vida privada assim como as empresas foram acostumadas a utilizá-las de forma errônea, as têm como se fossem o teto. A meta deve ser o piso, estar abaixo dos seus pés, você deve conseguir ultrapassá-la.

As palavras conhecem os resultados. Se você cria metas para você e para os outros e não as cumpre, acaba criando uma crença errada, a palavra perde o seu valor e deixa de funcionar.

A partir de hoje substitua a palavra meta por alvo pessoal, mesmo que seja no trabalho. Por exemplo, se a empresa quer que a equipe de vendas fature um determinado valor, essa não será a meta dos funcionários. 

O alvo pessoal para um deles será conquistar a comissão para comprar a bicicleta para o filho enquanto a de outra pessoa será vender mais para ser promovida. As pessoas se movem mais quando estimuladas por interesses pessoais.

Usar o alvo pessoal faz com que as pessoas pisem na meta para cumprir seu desejo. Como disse Henry Ford, “obstáculos são coisas que eu invento quando tiro o olho do alvo”. E esse é um ponto importante, não parar de mirar no seu desejo, se fizer isso, não terá tempo para ver as dificuldades e vai transpô-las.  

 

Mentiras “gourmet”

Quem é bom em desculpa, não é bom em mais nada! Desculpas são mentiras “gourmet”, as quais nem quem fala e nem quem ouve acredita. Abandone-as!

Você usa desculpas quando não quer fazer algo ou a deixa para depois, mentindo para si mesmo.Toda desculpa é como demônio, se você não elimina isso de vez da sua vida, cada vez que fala uma já vem outra na sua cabeça e, quando perceber, terá uma legião de delas. 

Posso te garantir que toda pessoa que consegue bater resultados, não é boa em desculpas, vai lá e faz o que precisa ser feito. Por isso eu digo: quem é bom em desculpas não é bom em mais nada

Pare e pense um minuto em todas as desculpas que você costuma usar no seu dia a dia e na próxima vez que pensar em uma, abandone-a antes de falar e parta para a ação! Não precisa se explicar, só resolva o problema.

 

A crítica vem de baixo

O terceiro abandono e não menos importante, são as críticas, todas elas. As que você faz, as que recebe dos outros e as que faz para você mesmo. Se Jesus se preocupasse com críticas, não tinha cuspido no barro e esfregado na cara do homem falando que estava curado.

Tenha uma certeza, você sempre será criticado por alguém ou por algo. O que importa não é o que ouve, mas o que faz com o que ouviu. Quem é nobre não critica quem faz, mas as aprovam porque já fizeram antes. Os que criticam não são pessoas melhores que você, estão produzindo menos e em situações piores.

Pare de dar prejuízo para a sua família, para sua geração e para este país. Só os improdutivos são parados por pequenas críticas que são apenas o reflexo da pessoa que o está criticando.

Para vencer a necessidade de aprovação e não se importar com as críticas, anote esses códigos: feito é melhor que perfeito e, para melhorar sempre, fazer, corrigir e adaptar.

 

Caia para dentro agora!

Aprenda a ser produtivo, siga o que Einstein nos ensinou, loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo igual”.

Para verdadeiramente mudar suas atitudes e conquistar resultados diferentes, não fique tentando bater metas, elas já estão batidas! 

O que te impede de mudar seus resultados são as desculpas que você dá para ficar na cama, perdendo tempo no celular, etc…

Não critique quem está fazendo e não aceite críticas de ninguém, não pare! Você quer ficar sem fazer nada porque sua vida não é boa, senão, iria sair do lugar e tocar o terror!

Então “bora” para a ação: 

– Liste 5 desculpas que você fala com frequência e pare de usá-las imediatamente. 

– Trabalhe sua inteligência emocional para lidar com as críticas.

 

Um abraço, General e TMJADF!

#

Quer saber mais sobre como lidar com as críticas e outros bloqueios? Clique abaixo para ler:

Compre agora com desconto de até 30%

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Quer receber mais conteúdos?
Cadastre-se e receba antes de todo mundo!

Mais de 5 milhões de pessoas assistem os vídeos e acompanham os conteúdos de Pablo Marçal nas redes sociais todos os meses, ele se consolidou como uma autoridade na internet.

Pablo Marçal 2021 | Todos os direitos reservados

Preencha os campos abaixo para fazer sua inscrição